Quantos falantes de português existem?

1acc-mapa-mc3bandi-dos-pac3adses-da-cplp

A língua portuguesa é a sexta língua mais falada no mundo (as cinco línguas mais faladas são, em ordem: 1. chinês; 2. espanhol; 3. inglês; 4. híndi; 5. árabe).

Mas quantas pessoas falam a língua portuguesa no mundo? Quantos lusófonos existem?

Segundo estimativas, a língua portuguesa é falada hoje por aproximadamente 250 milhões de pessoas em todo o mundo.

Destes, calculam-se ser 249 milhões provenientes apenas dos quatro maiores países lusófonos:

  • Brasil:    208 milhões (quase todos os 205 milhões de habitantes do Brasil, aos quais se somam os 3,2 milhões de brasileiros no exterior);
  • Portugal:     14,5 milhões (10 milhões em Portugal + 4,5 milhões de portugueses no estrangeiro);
  • Angola:     14,5 milhões de lusófonos (60% da população de 24,3 milhões);
  • Moçambique:     12 milhões de lusófonos (50% da população de 24 milhões);

O milhão faltante corresponde à soma dos outros quatro países em que o português é língua oficial: são os 500 mil habitantes de Cabo Verde (onde toda a população fala o português, embora a língua materna de quase todo o país seja o crioulo); 250 mil na Guiné-Bissau (15% da população do país); virtualmente todos os 200 mil habitantes de São Tomé e Príncipe (metade deles como língua materna); e 100 mil lusófonos em Timor-Leste (menos de 15% da população timorense).

Segundo estimativas, haverá, ainda:

Macau: 50 mil falantes de português (7% da população de 600 mil)
Goa, Índia: entre 1 e 4 mil falantes de português
Damão e Diu, Índia: entre 10 e 12 mil falantes de português
Malaca, Indonésia: 2,2 mil falantes de português

A esses mais de 250 milhões de habitantes somam-se ainda os 2,8 milhões de habitantes da Galiza, na Espanha, cuja língua, o galego, é considerado seja a língua-mãe do português, seja uma variante da mesma língua.

2 comentários sobre “Quantos falantes de português existem?

  1. Somaram os portugueses fora de Portugal (e os brasileiros, para disfarçar), mas não os angolanos e moçambicanos fora dos seus países, apenas para pouparem os nossos corações dessa tragédia que esses números escancaram: já há mais falantes do Português no Brasil, em Angola e em Moçambique que em Portugal. E ainda queremos mandar na língua ou supor que as nossas regras, a nossa pronúncia quase incompreensível e a nossa grafia é que são a que devem seguir…

    Curtir

  2. Pois eu fiquei surpreso no “sentido” oposto – sempre achei que naturalmente os países africanos lusófonos, enormes como são, tinham muito mais falantes de português que Portugal. Acabei de descobrir, com esse post de hoje, que em nenhum país além de Brasil e Portugal o português é língua materna da maioria da população. E mesmo contando os que falam português mas como segunda língua, só em dois países a grande maioria da população entende o português (São Tomé e Cabo Verde); nos dois grandes, só pouco mais de metade da população entende português (Angola e Moçambique); e em dois dos países “fundadores” da CPLP, só 15% da população falam português (Timor e Guiné). A lusofonia está pior do que eu pensava…

    Curtir

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s