Tatuzão, tatuzões

[Título da Pauta]

N’O Globo, lemos que “Com manobra de engenharia, tatuzão cruza trecho alagado”. Na Folha de S.Paulo, lemos que houve um problema quando “uma pedra caiu na câmara do tatuzão“. Em 2013, O Estadão informava que “Pela primeira vez, obra do metrô terá três tatuzões“.

Embora ainda faltem no Aurélio e no Houaiss, tatuzões são, no Brasil, as gigantescas escavadeiras subterrâneas, usada na construção de túneis.

O ClicRBS explica melhor: “Movido a energia elétrica, o Tatuzão é composto por uma roda gigante, que, na parte da frente, corta, tritura e engole o solo em pedaços de até 40 centímetros. Uma vez “deglutidos”, os nacos de terra são enviados, por uma esteira, até a estação de apoio“.

tatuzao1

2 comentários sobre “Tatuzão, tatuzões

  1. Em Portugal, tuneladora. Tivemos uma muito famosa no Porto, a “Micas”.
    É estranho que dicionários tão importantes do Brasil não registem o termo, se até o podemos encontrar na Infopédia.

    Curtido por 1 pessoa

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s